Indecisão

Fala pessoal! Tudo certo? Antes de mais nada, queria manda um parabéns pro nosso amigo João que criou o Escritos Digitais e está fazendo aniversário hoje... Então... Parabéns Jão! ô/...

Agora sim, o poema de hoje vai fala da indecisão de uma pessoa e o sofrimento do parceiro dela por causa dessa indecisão... Espero que curtam :D


Indecisão

Esse jogo de vai-e-vem
Já está me desgastando
Não sei se há outro alguém
Ou se você está só cansando
O silêncio que vem de você
É simplesmente tão sufocante
Mas você nao me diz o porquê
Não consigo relaxar um instante
Me diz o que está acontecendo
Para quem sabe, eu poder reparar
Pelo que nós estávamos vivendo
Eu sei que não vivo se você me deixar

O que acharam? Comentem! :D

3 comentários:

João Alcim disse... / 14 de janeiro de 2010 10:15  

Opa... Valeu Mat. Queria saber o que achou do novo visual do Escritos.
O poema em si ficou muito bom. Já tentou separá-lo em estrofes?

Mateus Spessotto disse... / 14 de janeiro de 2010 12:09  

Achei o novo visual do Escritos muito legal ;D
Sobre separar em estrofes, sei lá, não curto muito seguir aquelas regras antigas de se fazer poema, com métrica, estrofes... Me contento em escrever o poema só usando as rimas :D

João Alcim disse... / 15 de janeiro de 2010 13:15  

Eu disse apenas estrofes... Não gosto de métrica também.