Resposta

Opa! Segunda é dia de post meu! Espero que gostem do de hoje.

Resposta

É ela! É ela! É ela a garota amada
Mas não é correspondido esse amor
Apenas por isso é que desagrada
E faz meu mundo perder sua cor

À alegria, a vida prima
A dor que me consome, todavia
Faz com que minha rima
Perca todo o sentido que fazia

E nessa busca desenfreada
Voando rápido, de norte a sul
E à primeira que agrada:
Je t'aime, mon amour

Talvez seja esse o problema
Eu sei! É difícil nisso crer
Mas não será o meu poema
Que isso vai resolver!

O que acharam? Comentem!

2 comentários:

Patrícia disse... / 26 de agosto de 2010 13:23  

-hum... =D gostei... a voz do eu lirico esta bem "marcada"... "é ela!", "eu sei!" ...

poema com bastante movimento =D -> pelo menos p mim...

nho >.<

poemas manifestam teu sentimento, digo, do eu lirico, ahhhh...
manifestação... lembra gritos "É ela!" =D

nha... viagem minha =D
poema diferente^^

bjo mainho

Mateus Spessotto disse... / 26 de agosto de 2010 18:25  

Fico bem legal cara, como disse a guria aí de cima, tem movimento, a voz do eu-lírico. Parabéns :D