Perdão

Mais um quinta-feira, mais um post! O poema de hoje não tem muito o que falar, é um pedido de desculpas a uma pessoa querida pelo eu-lírico, espero que gostem :D


Perdão

Desculpa se eu te magoei
Ou fiz alguma coisa errada
Se pouca atenção eu dei
Ou te vendo triste, não fiz nada

Desculpa pelos dias que estive ausente
Aqueles que eu não estava tão bem
Que não respondi o seu pedido carente
Os quais a mim você teve que ficar sem

Desculpa se te fiz sofrer
Não era minha intenção te magoar
Tampouco te esquecer

Desculpa se eu fraquejar
É que eu não sei o que vou fazer
Se você não me perdoar

Comentem aí o que acharam \o

2 comentários:

Bella disse... / 10 de junho de 2010 16:06  

como sempre voce mostrando seu talento , ta otimo ;D

João Alcim disse... / 10 de junho de 2010 16:34  

Uai... Desde quando Mat. Spessotto faz sonetos quase-petrarquianos? xD Muito bom, Mat.